terça-feira, 4 de julho de 2017

Explorando

Julho chegou e com ele o frio de seis graus e uma sensação de está no congelador. Dizem que é o mais frio inverno em 45 anos na cidade, unf. Hoje o sol apareceu só pra iluminar, depois de um fim de semana chuvoso. Aproveitei a ocasião e fui explorar a cidade com o Pedro, passeio que já não fazíamos tem um tempo. Então fomos de pé pelo centro, depois, fizemos sua matricula no francês para o semestre que logo começa. Nessas idas e vindas por uma rua e outra descobrimos uma loja tão gostosa quanto linda. Os mimos começam pelas embalagens, são doces e queijos artesanais lá das bandas das Minas Gerais. Um charme.

Doces do empório.

Em casa, os cães estavam num alvoroço só, levamos para um passeio, o Zeus arrumou uma paquera e a gente foi fazer uma visita pra moça que será em breve minha nora. De tão feliz se empolgou e me jogou no chão. Se vocês querem saber o que é ser o centro das atenções, é só tomar um baque na rua, e se for levada pelo seu filho canino então. Eita.
E nas voltas que o mundo dá, já dizia o Guimarães, aquele que tem nome de rosa e suas frases são sempre cheirosas: "A felicidade se acha é em horinhas de descuido". Ah, meu querido, também está em tombos caninos em pleno passeio de fim de tarde, lembrei dos joelhos ralados da infância, dos ardidos do mertiolate, mas hoje ele nem arde mais. E pra finalizar tem doce de manga e banana lá do empório pra comemorar o namoro de Zeus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário